X
X
 

Notícias+
Refazenda completa dois anos e lança livro institucional
Pick-upau lança “Villas – Guarani M’bya, Tenonde Porã”

O projeto institucional da Agência Ambiental Pick-upau para produção de mudas de espécies nativas da mata atlântica, fomento às comunidades tradicionais e reflorestamento, Refazenda, completou em novembro, dois anos.

Capa do livro "Villas".

O projeto iniciado na aldeia indígena guarani Tenonde Porã concluiu seu primeiro ciclo e inicia 2011 uma nova fase de produção e investimentos.

Desenvolvido pelo Pick-upau em parceria com a Aldeia Tenonde Porã e com financiamento do Fundo Especial para o Meio Ambiente, o Refazenda, implantou um viveiro de mudas com capacidade para 50.000 espécimes por ano, capacitou cerca de 20 indígenas, lançou um folder institucional (faça o download do folder), com tiragem de 20.000 unidades, e neutralizou todas as atividades e produtos dos últimos dois anos, através do plantio de árvores na própria aldeia.

O lançamento do livro “Villas – Guarani M’bya, Tenonde Porã” comemora um período de sucesso do projeto. A publicação traz imagens do fotógrafo J. Andrade (www.jotandrade.com), ilustrações de Marília Vazquez Aun, do Jardim Botânico de São Paulo, e prefácio do jornalista Renato Alonso, da Secretaria Estadual de Meio Ambiente de São Paulo.

Mudas de Pau-viola no viveiro do Projeto Refazenda.

Sobre o Pick-upau
O Pick-upau é uma organização não-governamental sem fins lucrativos de caráter ambientalista 100% brasileira dedicada à preservação e a manutenção da biodiversidade do planeta. Fundada em 1999, por três ex-integrantes do Greenpeace-Brasil e originalmente criada no Cerrado brasileiro, tem sua base, próxima a uma das últimas e mais importantes reservas de mata atlântica da cidade São Paulo, a maior metrópole da América Latina. Por tratar-se de uma organização sobre Meio Ambiente, sem uma bandeira única, o Pick-upau possui e desenvolve projetos em diversas áreas ambientais.
Acesse: www.pick-upau.org.br

Sobre o Projeto Refazenda
O Projeto Refazenda é uma iniciativa do Pick-upau, uma organização não-governamental sem fins lucrativos de caráter ambientalista, 100% brasileira, em parceria com o Fundo Especial do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e a aldeia guarani Tenonde Porã. O programa tem entre seus principais objetivos a produção de mudas nativas da mata atlântica, como forma de fomento da economia da comunidade indígena beneficiada e o aumento da oferta de produtos florestais destinados a recuperação e ampliação da cobertura vegetal de um dos biomas mais ameaçados do país, a mata atlântica. Saiba mais: www.refazenda.org.br


Da Redação